08/11/2019 às 01h06min - Atualizada em 08/11/2019 às 01h06min

"Augusto Nunes me representa", diz deputado catarinense, sobre agressão ao jornalista Glenn Greenwald

O deputado catarinense Jessé Lopes, comemorou a agressão sofrida pelo jornalista Glenn Greenwald, nesta quinta-feira (7), durante sua participação no programa Pânico da Jovem Pan. Greenwald foi agredido, ao vivo, pelo também jornalista Augusto Nunes, da Record.


A agressão aconteceu depois de Glenn chamar Nunes de covarde por ter feito comentários sobre os seus filhos com o deputado David Miranda. O programa foi suspenso após a agressão. 

"Essa é a prova de que o Brasil criou o faroeste à brasileira. Quem tem que se explicar é quem comente crimes, quem fica cobrando quem age honestamente. Ouça-me: o que eu disse, vocês vão perceber, é que ele não sabe identificar ironias, não sabe identificar um ataque bem-humorado. Convido ele a provar em que momento eu pedi que algum juizado fizesse isso. Disse apenas que o companheiro dele passa tempo em Brasília, passa o tempo todo lidando com material roubado. Quem vai cuidar dos filhos?", disse Nunes.

Glenn reagiu: "Você é um covarde! Você é um covarde! Eu vou falar o porquê". Ele então foi interrompido por Nunes. A primeira tentativa de agressão não deu certo, mas depois Nunes atingiu o rosto de Glen. 




Apoie o jornalismo profissional
A missão do DESTAQUE é a mesma desde 2013: levar informação confiável e relevante para ajudar os leitores a compreender melhor o que acontece no Mundo, no País, mas principalmente na região do Vale do Braço do Norte e AMrec. São várias reportagens publicadas diariamente e produzidas de forma independente pela nossa redação e com o auxílio de parceiros. Ao assinar o DESTAQUE, você tem acesso a todo esse conteúdo.

http://jdestaque.com.br/centraldocliente/c/52/assinatura

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp